Não fui à manifestação e não posso dizer se foi pequena, média ou grande me baseando por fotos, muito menos me baseando por comentários, quem viu viu e quem não viu que tire suas conclusões, porém sabemos que todos que participaram são cidadãos, mas ai vai uma dica vamos separar a politica e deixar o povo fazer a manifestação!

Nem vou citar os políticos seja de mandato ou que si diz liderança, sendo que não convém, seria apenas para eu dar um IBOPE para os mesmos e pelas fotos e quem viu de fato a manifestação já conhece! Então vamos lá:

Protestar não é crime, é um direito assegurado pela Constituição, um dos mecanismos validos no sistema democrático. Porém há um limite para os atos. Um crime comum em manifestações ilegais é atear fogo intencionalmente na via pública prejudicando o tráfego, transformando o protesto em um transtorno, levando esse ato para a classificação de” crime de dano qualificado pelo uso de substância inflamável e contra o patrimônio público”.

O advogado Frederico Preuss Duarte explica que uma ação deixa de ser legal quando passa a prejudicar o direito de alguém e causar danos. Se o indivíduo ultrapassa o limite da legalidade deve ser responsabilizado civilmente pelos prejuízos que causou, além de criminalmente, nos termos da lei penal.

Confira o print enviado por uma mãe que tem uma um filho (a) que estuda na creche:

Para quem estava próximo da creche localizada ao ato ocorrido nesta manhã, foi um ação de vandalismo com interdição da única entrada da cidade com queima de pneus. O que era para ser uma manifestação pacífica transformou-se em desordem. Chegando a interromper as aulas da Creche que fica nas imediações da concentração do protesto, inclusive causando pânico às crianças.

Segundo populares que tiveram que tirar seus filhos as pressas ao saber do fato foi um ato criminoso e de barbárie onde trancaram o trânsito da entrada da cidade e a fumaça que saia dos pneus invadiu as residências das proximidades enquanto que as crianças saíram sufocadas da creche tiradas por professores, pais e gestoras, sendo que é importante frisar que essa fumaça é de pneus é muito tóxica ainda mais para crianças de 2 a 5 anos.

Responsáveis pelas crianças acharam ridículo vereadores e outros políticos estarem a frente disso prejudicando a saúde filhos, porém resta saber se tomarão as devidas providências por conta de possíveis retaliações.

Já participei de manifestações em anos anteriores, porém não lembro de vandalismo como esse provocando por uma minoria, pois sabemos há pessoas de bem que estavam no protesto e não tem nada haver com esse triste episódio.

Querer estar prefeito para esses que estão fora do poder pode ser um momento que muitos podem achar mágico, encantador, entre outros adjetivos, porém aquele que entra e se depara com FOLHAS DE PAGAMENTOS DE SERVIDORES ALTISSIMA, BLOQUEIOS JUDICIAIS, MULTAS DE VÁRIOS ÓRGÃOS, SUCATEAMENTO E ROUBO DE MÁQUINAS E VEÍCULOS tem que remar muito e pior ainda é quando o município está impedido de conveniar com Estado e União, pois se for pra depender só dos recursos constitucionais é difícil trabalhar.

Mas nada melhor que o tempo para mostrar quem é quem, pois ESTAR GOVERNO E ESTAR OPOSIÇÃO É PASSAGEIRO!

Uma coisa é certa: o bom cidadão quer que as coisas funcionem assim como o gestor quer tirar o município dessa situação e com trabalho e persistência de “porta em porta” em São Luís e em Brasília é que o município pode dar saltos maiores!

Aproveite e leia: Araioses: uma função que a maioria dos vereadores deveria exercitar!