Visitando o site de um determinado blogueiro da cidade identifiquei que a matéria publicada no dia 19 de fevereiro contém tenta deturpar a veracidade do que está realmente acontecendo com as obras de abertura da boca do Rio Santa Rosa. Onde o mesmo se baseia somente em áudios e\ou imagens de redes sociais sem investigar o que realmente aconteceu.

Segundo o Sr. Antonio Valente que é o diretor da AHINOR Maranhão órgão do DNIT, as obras estavam em pleno andamento e as barragens eram abertas 2 vezes por semana para a renovação da água para uso da população, não havendo com isso nenhum prejuízo no que diz respeito a qualidade da água consumida.

Porem antes do término da obra quando faltam cerca de 200 metros para ser concluída alguns vândalos incentivados por velhos políticos da região que não querem o bem da comunidade e pra eles o quanto pior melhor se reuniram e destruíram a barragem e com isso as forças da água estão invadindo as lavouras causando prejuízo aos agricultores da região.

Esses mesmos que mandaram fazer isso, estão há mais 20 anos na politica com mandatos e nada fizeram para abertura do rio e após tantos tempo se aproveitando da triste situação dos moradores da região chega uma gestão que buscou os recursos necessários para essa grande obra que é a desobstrução do Rio Santa Rosa e por egoísmo e inveja de nunca terem conseguido esse feito, incentivaram alguns dos seus ingênuos seguidores residentes do povoado Remansinho a atrapalhar o andamento das obras.

Querem impedir que os benefícios cheguem até os moradores da região de Remanso e da Sede do município que sofre com o abastecimento de água que na época de seca que são cerca de 6 meses a água fica totalmente salinizada devido a falta de fluxo de água do Rio Santa Rosa.

Nunca o município havia conseguido uma obra dessa magnitude para a região e por irresponsabilidade e egoísmo dos políticos daquela região só quem perde são os habitantes.

As fotos abaixo foram feitas em uma visita do Secretário de Comunicação Djair Prado, Secretário de Agricultura e Abastecimento Ivanildo Ribeiro e o técnico da Agerp do Mais IDH Fábio que foram ver de perto os serviços que estavam sendo feitos no local.

O prefeito que já havia feito várias visitas IN LOCO inclusive não tendo constatado nenhuma alteração na qualidade da água, declarou que nunca recebeu nenhuma denuncia de que a água estava podre.

Foi um grande esforço do gestor em São Luís e em Brasília tanto na AHINOR quanto no DNIT para conseguir os recursos para abertura da boca do Rio Santa Rosa, o que nunca ocorreu por desinteresse de gestores e políticos que aqui já passaram.

 

MAIS UMA VEZ OS ARAIOSENSES SÃO PREJUDICADOS PELOS ATOS DESSES IRRESPONSÁVEIS QUE NÃO PENSAM NO BEM ESTAR DOS MUNÍCIPES.